MEGA 94


a-pabllo-emocionado

Pabllo Vittar está fazendo uma série de shows na América Latina e também na Europa, e, no intervalo de sua agenda corrida, ela conseguiu conversar com a BBC News Brasil em Londres sobre sua carreira, sua crença em Deus, homofobia sofrida na escola e a comunidade LGBTQ.

A entrevista foi quase como no formato documental: acompanharam a drag queen por Londres, conversaram com ela antes do show e também gravaram momentos durante a apresentação. Em vídeo, a conversa tem sete minutos e momentos bem importantes.

Um deles, foi quando Pabllo relembrou os xingamentos homofóbicos que recebia na época da escola e o apoio sempre presente de sua mãe:

“Quando minha mãe, naquele tempo, na cidade pequena onde eu morava, onde eu saía na rua e todo mundo ria de mim. Eu ia pra escola e as pessoas me xingavam, e eu chegava em casa e minha mãe me abraçava, nossa, era incrível. E eu tinha amigos que eram gays e não tinham esse apoio da mãe, então eu me sentia a pessoa mais fodona. Por isso que eu falo pros pais que têm filhos LGBTQs, abracem seus filhos.”

Pabllo se emocionou e completou: “Saudades, mamãe” :( “Ela é muito gay, minha mãe. Ela fala: ‘você vai arrasar tanto, viado!’ E eu tô arrasando”.

Também comentou sobre como seu trabalho é um ato político:

“Eu vou cantar e performar nas maiores Paradas Gays do mundo e eu to muito feliz porque é uma gay do Brasil levando voz à comunidade. Por enquanto meu ato político é estar no palco sendo drag. Falar é importante na música, é muito importante, é lindo, mas trazer alegria também pro pessoal que sofre todo dia com discriminação e preconceito é muito importante e isso é foda.”

Pabllo, pode ter certeza que você traz muita alegria na vida de muita gente sim! <3

Terminou ressaltando que não importa se falam mal dela, o importante é estar na boca do povo:

A cada passo que eu dou, muita gente me apoia mas também taca pedra, sabe? Não processo ninguém. Falem bem ou falem mal, mas falem de mim. E eu não perder meu tempo processando essas pessoas, porque eu sei que muitas delas não vão ter dinheiro pra me pagar, dinheiro pra me ressarcir. Então continuem falando, me dando ibope, colocando meu nome nos Trending Topics do Twitter e Google.

“Eu lembro de quando no tempo das eleições perguntavam: ‘Mas Pabllo você vai mesmo embora do Brasil?’ Eu vou embora do Brasil por que, viado? Se o Brasil é meu, é seu. O país é nosso. Eles que lutem, porque a gente vai resistir. E vai continuar dando muito close nesse paraíso.”

Assista a entrevista inteira aqui:



Fonte: Postado em: 06-05-2019


a-pabllo-emocionado

Pabllo Vittar está fazendo uma série de shows na América Latina e também na Europa, e, no intervalo de sua agenda corrida, ela conseguiu conversar com a BBC News Brasil em Londres sobre sua carreira, sua crença em Deus, homofobia sofrida na escola e a comunidade LGBTQ.

A entrevista foi quase como no formato documental: acompanharam a drag queen por Londres, conversaram com ela antes do show e também gravaram momentos durante a apresentação. Em vídeo, a conversa tem sete minutos e momentos bem importantes.

Um deles, foi quando Pabllo relembrou os xingamentos homofóbicos que recebia na época da escola e o apoio sempre presente de sua mãe:

“Quando minha mãe, naquele tempo, na cidade pequena onde eu morava, onde eu saía na rua e todo mundo ria de mim. Eu ia pra escola e as pessoas me xingavam, e eu chegava em casa e minha mãe me abraçava, nossa, era incrível. E eu tinha amigos que eram gays e não tinham esse apoio da mãe, então eu me sentia a pessoa mais fodona. Por isso que eu falo pros pais que têm filhos LGBTQs, abracem seus filhos.”

Pabllo se emocionou e completou: “Saudades, mamãe” :( “Ela é muito gay, minha mãe. Ela fala: ‘você vai arrasar tanto, viado!’ E eu tô arrasando”.

Também comentou sobre como seu trabalho é um ato político:

“Eu vou cantar e performar nas maiores Paradas Gays do mundo e eu to muito feliz porque é uma gay do Brasil levando voz à comunidade. Por enquanto meu ato político é estar no palco sendo drag. Falar é importante na música, é muito importante, é lindo, mas trazer alegria também pro pessoal que sofre todo dia com discriminação e preconceito é muito importante e isso é foda.”

Pabllo, pode ter certeza que você traz muita alegria na vida de muita gente sim! <3

Terminou ressaltando que não importa se falam mal dela, o importante é estar na boca do povo:

A cada passo que eu dou, muita gente me apoia mas também taca pedra, sabe? Não processo ninguém. Falem bem ou falem mal, mas falem de mim. E eu não perder meu tempo processando essas pessoas, porque eu sei que muitas delas não vão ter dinheiro pra me pagar, dinheiro pra me ressarcir. Então continuem falando, me dando ibope, colocando meu nome nos Trending Topics do Twitter e Google.

“Eu lembro de quando no tempo das eleições perguntavam: ‘Mas Pabllo você vai mesmo embora do Brasil?’ Eu vou embora do Brasil por que, viado? Se o Brasil é meu, é seu. O país é nosso. Eles que lutem, porque a gente vai resistir. E vai continuar dando muito close nesse paraíso.”

Assista a entrevista inteira aqui:



Fonte: Postado em: 06-05-2019
MEGA POINT
Av. Afonso Pena 5154
Campo Grande MS
Whatsapp - 99143-9494

3042-9494
Mega94 (c)- Todos os direitos reservados.