MEGA 94


csm_fabio_assuncao_bruno_magnata_la_furia_foto_reproducao_284e233fe8

A banda de pagode baiano La Fúria lançou a música “Fábio Assunção” como a sua aposta para o verão em que usa a dependência química do ator Fábio Assunção como o pano de fundo da história contada na canção. No entanto, Fábio Assunção nesta terça-feira, (22), divulgou um vídeo em sua rede social explicando que ao invés de processar os autores por satirizar a sua vida, ele fez um acordo com os compositores e o lucro da canção irá 100% em prol de instituições que tratam de dependentes químicos.

“Oi Gente… eu não pretendia tornar esse assunto público por vários motivos, mas a imprensa resolveu comentar e os meninos foram bem generosos fazendo o video deles explicando nosso acordo sobre a música Fabio Assunção.
Antes de qualquer coisa eu preciso falar com as pessoas que passam pelo mesmo problema que eu. Eu não endosso, de maneira nenhuma, essa glamourização ou zueira com a nossa dor. Minha preocupação é com quem sente na pele a dor de ser quem é. Com as suas famílias. Foi pensando nisso que eu, minha equipe de comunicação e o corpo jurídico que me atende, decidimos entrar em contato com os meninos e tornar essa história um ato propositivo de ajuda a quem precisa e de conscientização de quem pode ainda acreditar ser um super herói. 100% dos valores arrecadados com a música serão doados para as instituições A e B como um ato irmanado entre quem sente essa dor e quem tem voz para ampliar a conscientização das pessoas”, explicou o ator

Bruno Magnata, que faz parte da banda La Fúria, explicou ainda que a letra da canção “Fábio Assunção” mudará: “A música ganhou uma proporção muito grande, com o público, em redes sociais, e foi aí que o próprio Fábio Assunção, esse cara que eu sou fã, nos procurou de forma muito madura, construtiva, conversou numa boa com a gente. Em momento nenhum ele falou de travar a música, de colocar em justiça, nem nada. Ele só pediu pra gente se juntar com ele e defender uma causa que é contra a dependência química e o álcool exagerado. Quando a gente fala disso, deixa de ser uma brincadeira pra ser uma coisa séria. (…) Mais de 200 milhões de pessoas no mundo passam por essa dificuldade e a gente tá aqui em prol pra mudar essa situação, reverter tudo isso em coisa boa. Vamos mudar a letra da música, vamos fazer uma coisa legal, bacana, junto com Fábio, junto com Bartz”, explicou Magnata.



Fonte: Postado em: 23-01-2019


csm_fabio_assuncao_bruno_magnata_la_furia_foto_reproducao_284e233fe8

A banda de pagode baiano La Fúria lançou a música “Fábio Assunção” como a sua aposta para o verão em que usa a dependência química do ator Fábio Assunção como o pano de fundo da história contada na canção. No entanto, Fábio Assunção nesta terça-feira, (22), divulgou um vídeo em sua rede social explicando que ao invés de processar os autores por satirizar a sua vida, ele fez um acordo com os compositores e o lucro da canção irá 100% em prol de instituições que tratam de dependentes químicos.

“Oi Gente… eu não pretendia tornar esse assunto público por vários motivos, mas a imprensa resolveu comentar e os meninos foram bem generosos fazendo o video deles explicando nosso acordo sobre a música Fabio Assunção.
Antes de qualquer coisa eu preciso falar com as pessoas que passam pelo mesmo problema que eu. Eu não endosso, de maneira nenhuma, essa glamourização ou zueira com a nossa dor. Minha preocupação é com quem sente na pele a dor de ser quem é. Com as suas famílias. Foi pensando nisso que eu, minha equipe de comunicação e o corpo jurídico que me atende, decidimos entrar em contato com os meninos e tornar essa história um ato propositivo de ajuda a quem precisa e de conscientização de quem pode ainda acreditar ser um super herói. 100% dos valores arrecadados com a música serão doados para as instituições A e B como um ato irmanado entre quem sente essa dor e quem tem voz para ampliar a conscientização das pessoas”, explicou o ator

Bruno Magnata, que faz parte da banda La Fúria, explicou ainda que a letra da canção “Fábio Assunção” mudará: “A música ganhou uma proporção muito grande, com o público, em redes sociais, e foi aí que o próprio Fábio Assunção, esse cara que eu sou fã, nos procurou de forma muito madura, construtiva, conversou numa boa com a gente. Em momento nenhum ele falou de travar a música, de colocar em justiça, nem nada. Ele só pediu pra gente se juntar com ele e defender uma causa que é contra a dependência química e o álcool exagerado. Quando a gente fala disso, deixa de ser uma brincadeira pra ser uma coisa séria. (…) Mais de 200 milhões de pessoas no mundo passam por essa dificuldade e a gente tá aqui em prol pra mudar essa situação, reverter tudo isso em coisa boa. Vamos mudar a letra da música, vamos fazer uma coisa legal, bacana, junto com Fábio, junto com Bartz”, explicou Magnata.



Fonte: Postado em: 23-01-2019
MEGA POINT
Av. Afonso Pena 5154
Campo Grande MS
Whatsapp - 99143-9494

3042-9494
Mega94 (c)- Todos os direitos reservados.