MEGA 94


thiaguinho-mt-5

“É hoje que ele paga por todo mal que ele te fez“. Provavelmente você já ouviu essa frase e na mesma hora começou aquele check list da beleza: “Cabelo? Ok. Marquinha? Ok. Sobrancelha? Ok. A unha tá ok“. E quem acaba de brotar no bailão do Top 10 do Spotify Brasil é Thiaguinho MT, a voz por trás do potencial hit do verão “Tudo OK”.

Mas quem é o cara que reafirma em sua letra o poder da autoestima? Thiago da Silva Lacerda tem 28 anos e nasceu em Araruama, interior do Rio de Janeiro. Em 2013 começou a cantar funk “proibidão” na Furacão 2000, mas a produtora Los Pantchos foi quem reinventou a carreira do artista e o direcionou para outros estilos que abrangessem um público maior como o brega funk.

“Escrevi esta música há muito tempo e chamei o JS o Mão de Ouro, que também é da Los Pantchos, para produzir. Um dia eu tinha visto, no Twitter, um cara falando que o ex ia pagar por todo o mal que tinha feito a ele. E guardei essa história para mim. Achei divertido como ele estava superando. Aí fiz a letra pensando na relação entre duas pessoas. Eu acho que, por isso, a música caiu no gosto de todo mundo”, conta Thiaguinho.

Após as montagens com Selena Gomez, Anitta, Bruna Marquezine, Lore Improta, Joelma, Gabi Brandt e outras famosas que viveram relacionamentos midiáticos e que tiveram seus respectivos términos acompanhados por milhões de pessoas, a música viralizou de tal forma que impactou nas listas de sucessos da principal plataforma de streaming.

Para termos noção da adesão do público, nesta quinta-feira (16), “Tudo OK” confirmou a rápida ascensão dos últimos dias e chegou ao 6º lugar entre as mais ouvidas do Spotify no país (anteontem estava em 32º e ontem em 11º). A música também tem feito bonito nas paradas virais (1º lugar na brasileira e 10º na global). Thiaguinho, que divide os vocais com a cantora Mila, se mostra surpreso com a repercussão.

“Pra quem veio de uma cidade pequena, de origem pobre, ver meu nome sendo reconhecido nacionalmente me emociona muito. Trabalhei e tenho trabalhado pra conquistar meu espaço na música, sempre contando com o apoio do meu amigo produtor JS o Mão de Ouro e saber que o som tá na boca do povo é muito gratificante e satisfatório”, finalizou.



Fonte: Postado em: 17-01-2020


thiaguinho-mt-5

“É hoje que ele paga por todo mal que ele te fez“. Provavelmente você já ouviu essa frase e na mesma hora começou aquele check list da beleza: “Cabelo? Ok. Marquinha? Ok. Sobrancelha? Ok. A unha tá ok“. E quem acaba de brotar no bailão do Top 10 do Spotify Brasil é Thiaguinho MT, a voz por trás do potencial hit do verão “Tudo OK”.

Mas quem é o cara que reafirma em sua letra o poder da autoestima? Thiago da Silva Lacerda tem 28 anos e nasceu em Araruama, interior do Rio de Janeiro. Em 2013 começou a cantar funk “proibidão” na Furacão 2000, mas a produtora Los Pantchos foi quem reinventou a carreira do artista e o direcionou para outros estilos que abrangessem um público maior como o brega funk.

“Escrevi esta música há muito tempo e chamei o JS o Mão de Ouro, que também é da Los Pantchos, para produzir. Um dia eu tinha visto, no Twitter, um cara falando que o ex ia pagar por todo o mal que tinha feito a ele. E guardei essa história para mim. Achei divertido como ele estava superando. Aí fiz a letra pensando na relação entre duas pessoas. Eu acho que, por isso, a música caiu no gosto de todo mundo”, conta Thiaguinho.

Após as montagens com Selena Gomez, Anitta, Bruna Marquezine, Lore Improta, Joelma, Gabi Brandt e outras famosas que viveram relacionamentos midiáticos e que tiveram seus respectivos términos acompanhados por milhões de pessoas, a música viralizou de tal forma que impactou nas listas de sucessos da principal plataforma de streaming.

Para termos noção da adesão do público, nesta quinta-feira (16), “Tudo OK” confirmou a rápida ascensão dos últimos dias e chegou ao 6º lugar entre as mais ouvidas do Spotify no país (anteontem estava em 32º e ontem em 11º). A música também tem feito bonito nas paradas virais (1º lugar na brasileira e 10º na global). Thiaguinho, que divide os vocais com a cantora Mila, se mostra surpreso com a repercussão.

“Pra quem veio de uma cidade pequena, de origem pobre, ver meu nome sendo reconhecido nacionalmente me emociona muito. Trabalhei e tenho trabalhado pra conquistar meu espaço na música, sempre contando com o apoio do meu amigo produtor JS o Mão de Ouro e saber que o som tá na boca do povo é muito gratificante e satisfatório”, finalizou.



Fonte: Postado em: 17-01-2020
MEGA POINT
Av. Afonso Pena 5154
Campo Grande MS
Whatsapp - 99143-9494

3042-9494
Mega94 (c)- Todos os direitos reservados.